sexta-feira, 15 de novembro de 2013

A mulher ou o iPad?

Não que isto me tenha acontecido, mas, confrontado com uma escolha entre apanhar a mulher que ia a cair da cama abaixo e o iPad que ia pelo mesmo caminho, um certo homem que eu conheço decidiu optar pelo aparelhómetro. Justificação: o dito tinha custado umas centenas de euros, a mulher tinha vindo de borla. Não que tal me tenha acontecido, claro.

Uma boa vingança hipotética para esta pessoa: esconder uma raquete de ping-pong dentro da sua almofada e esperar que ele se jogue em vôo para cima dela quando se deitar. Hipoteticamente falando, claro.

8 comentários:

  1. Hipoteticamente falando, serias uma malvada, mas faria o mesmo, se não mesmo pior!!!

    ResponderEliminar
  2. Se fosse comigo, iria haver chatice lol mas, por um lado, até compreendo. Se partisse o Ipad lá se ia a garantia por "mau uso". Por outro lado, se a mulher se aleijasse quer-me cá parecer que era capaz de aleijar também o homem, para ver o que é bom para a tosse. Que belo paradoxo Boneca, decisions, decidions...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Compreendes??!!! Ca raio de solidariedade feminina é essa, oh Marisa?!

      Eliminar
    2. Compreendo os dois lados da questão, se calhar porque tenho um Ipad com uma "linha" amarela no ecrã, decorrente quase de certeza de alguma queda ocorrida fora do meu raio de visão. E dói-me o coração de olhar para ele com aquela risca parva. Menos mal porque parece que a garantia vai trocar por um novo. Boneca Maria de Deus, o que escolhias: o teu Ipad ou o teu mais-que-tudo (tendo em conta que ele pode levantar-se sozinho)? Decisions, decisions!...

      Eliminar
    3. Eu podia ter morrido!! Quer dizer, a pessoa minha conhecida!

      Eliminar
  3. Ahá! Busted! E não lhe deste com o Ipad na cabeça? :P agora falando a sério, não foi grave, pois não? Cá beijinho!

    ResponderEliminar