segunda-feira, 23 de dezembro de 2013

O Pai Natal do demo

Tive um Pai Natal que fazia semelhante cagaçal a cantar e a abanar violentamente o rabo e as ancas que o exportei para a casa de mãezinha, que tem a casa mais silenciosa que a minha, onde 3 homens das cavernas comunicam aos gritos.

Ora mãezinha não imaginava que o presente era envenenado e que o desgraçado do boneco é activado pelo movimento. Vai daí, põe-no à entrada de casa, num lugar de honra. E vai à sua vida. Paizinho decide pôr pilhas no velhote sem avisar a senhora que, ao voltar a casa, abre a porta, dá uns passos em frente, passa à frente do barbudo e ele solta um valente HO HO HOOOOOO MERRY CHRISTMAS!!!!!!!!! e desata a abanar-se tipo baiana alcoolizada na Marquês de Sapucaí OOOH WALKING THROUGH THE SNOW TRALALALALALA  Mãezinha dá um pulo de dois metros com o cagaço e começa a perceber por que razão a filha teve a generosidade de lhe ofertar o cabr$o do boneco.

Uns dias mais tarde, a senhora que faz as limpezas na casa da mãezinha aparece no trabalho dela, esbaforida, branca como a cal da parede, e diz "Oh minha senhora, está alguém em casa, eu nem entrei, ouvem-se vozes lá dentro, devem ser ladrões, temos de chamar a polícia!!!!"

Um grande LOL para a minha ideia fantástica. Boneca Maria de Deus, a animar as casas por esse país a fora desde 2013.

2 comentários:

  1. Olha que não sei qual é pior! Se esse Pai Natal (que é da época) se um passaroco colorido que havia em casa dos pais e que "piava/cantava" cada vez que se passava a frente!
    mozi

    ResponderEliminar