quinta-feira, 6 de março de 2014

O carro da gaja

Serve o present post para fazer uma espécie de recenseamento e, mediante os resultados, aferir da possibilidade de não ser a única criatura do sexo feminino que tem o carro num estado lamentável. Para esta análise desconsiderar-se-á tudo aquilo que for culpa dos filhos, para não enviesar o processo. Ora bem:

- O seu volante encontra-se carregado de marcas de unhas e gorduroso de creme?
- A parte do meio do carro onde é suposto colocar-se copos tem lenços de papel, papéis de barritas, ganchos do cabelo, embalagens vazias de rebuçados bola de neve, nheca e coisos não identificados?
- Há, por todo o lado, talões de Multibanco antigos e cartões caducados de acesso ao parque de estacionamento dos barcos do Montijo?
- O tablié em geral tem maquilhagem e muito pó?
- O carro tem cagadelas de pombo em permanência?
- As jantes têm uma cor indefinida devido à porcaria que acumulam?
- Tem 382 sacos de cartão da Zara no porta bagagens?
- Tem 24 guarda-chuvas no porta bagagens ou nos bolsos de lado das portas?
- O carro está, em geral e no particular, absolutamente imundo?

Se respondeu sim a 80% das perguntas, então os meus parabéns! É oficialmente uma valente porca. 


Quem, eu? Não tenho nada a dizer, só queria saber por curiosidade.

9 comentários:

  1. No meu caso junta a isso boletins do Totobola do ano passado, cachecóis para ir ao futebol, papéis de chocolate e afins... Et voilá! O carro que eu e o meu namorado partilhamos. Somos oficialmente uns badalhocos. :D

    ResponderEliminar
  2. Ficou a faltar: copos de iogurtes líquidos vazios, caroços de maçãs e/ou peras, papel alumínio amachucado-da-sandes-do-pequeno-almoço, tickets de parque de estacionamento, garrafas de água, vestígios de base no volante...

    Também eu não sofro deste mal... escrevo apenas por puro interesse e gosto em ajudar e satisfazer curiosidade :)

    http://desabafosdeumagajacomplicada.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  3. medio.... medio....
    acrecento: 2 casacos de fato de treino + cachecol banco traseiro
    porta malas: tapete yoga, 1 par de ténis, 1 par de tenis para cycle, luvas de boxe, corda para saltar, ligaduras (acamadas dentro de um saco), um guarda-sol, raquetes praia, uma bengala para caminhadas (das próprias), liquido para o radiador e embalagem vazia de oleo para saber qual o que tenho de comprar...

    ResponderEliminar
  4. Ahahahaha!!!
    Pronto... tenho de confessar que o meu acrro só vai ao banho (por dentro e por fora) quando vai à inspecção, que será... em Maio! Isto quer dizer que... quase dá para plantar couves la dentro! :P

    ResponderEliminar
  5. Gandas badalhocas, pá! Que vergonha.

    ResponderEliminar
  6. O carro do meu namorado apresenta:
    - Talões de supermercado e multibanco espalhados por todo o lado
    - Cachecol a passear no banco de trás, acompanhado de folhas de papel
    - Lenços de papel e guardanapos a passearem entre os bancos
    - Migalhas diversas
    - Jantes a atirar para o preto
    - Não está carregado de cagadelas e afins, porque São Pedro tem sido um bom lavador de carros
    - Pó e mais pó
    - Tapetes carregados de terra e pedrinhas
    - Mala do carro atafulhada de sacos de plástico, cachecol do benfas (que mais parece um pano do pó, o que não me importa nada), garrafas de água e afins

    É um porco! Não anda pior, que deve ser coisa para já ter bichos, porque eu o obrigo a limpá-lo. O meu pai que sempre trabalhou no ramo automóvel, sempre me disse que os carros mais sujos e desorganizados que lhe apareciam, eram de mulheres (que incluíam cuecas e pensos higiénicos, debaixo dos bancos).

    ResponderEliminar
  7. Não a todas.
    Não sou maníaca das arrumações e limpezas (deusmalivre!), mas detesto acumulação de tralha!
    (Mais uma coisa em que não encaixo no estereótipo de gaja.)

    ResponderEliminar