quinta-feira, 17 de abril de 2014

Conversa fofa comócatano

Não, não é uma rubrica nova. Mas não tive coragem de chamar parva a esta converseta do Máinovo, que faz 3 anos hoje, coisa mái linda de sua mãe, que se te agarro esbeijoco-te até te saltarem os olhinhos. Vou abster-me de reproduzir tal e qual as palavras como ele as disse, o que, embora tornasse o diálogo mais verosímil, demoraria o triplo do tempo a ler e outro tanto a compreender. Sugiro apenas que se leia a parte dele não dizendo os r, os l, substituindo os c por t e com sotaque de Bijeu. Lá de xima, portanto.

- Filhote canta uma música para a mamã ouvir.
- Não. Tou jangadu (perdão, não resisti, prometo que não se vai repetir).
- Vá lá, canta o "Papagaio louro"!
- Não.
- Então qual é a música que queres cantar?
- Ninguém.
- E por que é que estás descalço?
- Porque o mano bateu aqui na minha testa. 
- Apanha as meias do chão se faz favor.
- Não consigo. Sou mais pesado.
- Consegues, consegues.
- Não consego, não consego.
- Aiaiai Gui.
- Eu não sou o Gui. Sou o senhor Gui.
- Aiaiai senhor Gui.
- Aiaiai senhor mãe.

6 comentários:

  1. Os Guis são mesmo uns irresistíveis!!! :))) Parabéns bonequito Gui!! Parabéns mamy Boneca!! Um dia feliz para todos!!

    ResponderEliminar
  2. O miúdo quer respeito, acho bem. Parabéns para o senhor Gui :)

    ResponderEliminar
  3. Parabéns (atrasados) (=

    ResponderEliminar