quinta-feira, 5 de junho de 2014

Carta aberta a um troll

Mais precisamente ao troll que se atirou para a frente do meu carro hoje de manhã. E nem é tanto por tê-lo feito, até porque o risco que correu foi bem maior do que qualquer dano que para a minha viatura daí poderia ter advindo, mas pelo facto de o ter feito ao mesmo tempo que escarafunchava um ouvido com uma chave.

Ora, caríssimo Troll,
Venho por este meio comunicar-lhe que, a par do ato de coçar o escroto, soltar ar pelos mais variados orifícios e escarrar para o chão, a introdução de objetos que servem para abrir e fechar portas nos canais auriculares consegue ser das coisas mais, como dizer, NOJENTAS passíveis de ser perpetradas por uma criatura viva, vertebrada e respirante. 

Homem de Deus, vou dar-te uma novidade: sabes aqueles pauzinhos coloridos fofinhos com um pedaço de algodão em cada ponta que por vezes vislumbras nas prateleiras dos supermercados? Não? Perto do algodão e cenas? Também não sabes o que é? Oh diabo assim não vai ser fácil. Bom, chamam-se cotonetes e não servem para palitar os dentes. Ou melhor, usa-os para isso também, porque me palpita que nesse caso entra a unhaca do mindinho em ação e voltamos ao mesmo.

Bom, estamos entendidos? Repete comigo: a chave é para a porta. Não introduzirei objetos esquisitos nos meus orifícios, a não ser por recomendação médica. Ah, e mais uma achega: as miúdas não acham grande piada a uma pessoa que grunhe quando vê pernas, sim? Just saying.

Cá passou-bem. Assim de longe.

7 comentários:

  1. Longe com esse tipo de trolls...
    Mas entre a chave e a unhaca do mindinho, venha o diabo e escolha!
    Cá beijinho Boneca Maria.

    ResponderEliminar
  2. quando vi o titulo deste post, por momentos pensei que me fosse dedicado...
    desilusão .. é o que sinto...

    ResponderEliminar
  3. Troll mái lindo de sua Boneca!

    ResponderEliminar
  4. Se calhar alguém lhe disse para abrir os ouvidos. Para a próxima vai tentar com o comando do carro!

    ResponderEliminar
  5. ahahahah , adorei o 1º comentário

    ResponderEliminar