domingo, 27 de julho de 2014

Mãe sofre #28

Máinovo pede "o pica-pau". Eu não sei o que é. Quer dizer, sei, mas não há nenhum cá em casa. Inicia-se por isso um moroso processo de lhe apresentar tudo o que remotamente se pareça com o dito. E ele cada vez mais nervoso, nada lhe serve. 

Acabadas as aves de casa, passamos a outros animais, e ele continua "Nãaaaaaaao, preciso do pica-paaaaaaauuuuu!!!" E chora desconsoladamente. Já nervosa, considero inclusivamente a hipótese de sair num instante e ir-lhe comprar a porcaria do pássaro, onde raio foi o miúdo buscar esta ideia peregrina e já não o posso ouvir aos berros e o gajo continua a chorar oh catano.

Silêncio repentino. "TÁ AQUI O MEU PICA-PAU!!!"

Era isto:

Um martelo.

8 comentários:

  1. Eu também não adivinhava.

    ResponderEliminar
  2. Bem, mas o nome nem está nada mal pensado =P

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Vai-se a ver e até faz um certo sentido. Ou não.

      Eliminar
  3. Para a próxima, pede ao miúdo que descreva o "bicho". Ou então, que faça um desenho :p

    ResponderEliminar
  4. A criatura tem 3 anos. Sabe lá ele descrever. Ou desenhar. E falar, é o que se vê ;)

    ResponderEliminar
  5. no facebook parecia outra coisa....

    ResponderEliminar