terça-feira, 10 de fevereiro de 2015

O Carnaval de S. Valentim

S. Valentim decide mascarar-se. Andar sempre de vermelho com uma corrente com um coração gigante trespassado ao pescoço (é assim que o imagino, tenham paciência) já o agasta, pelo que aproveita a coincidência das datas para se permitir o devaneio. Agora o que escolher? Nas lojas que possuem fantasias para adulto, a escolha é parca: ou vai de enfermeira sexy ou de vampira sexy, ou de bruxa. Sexy. Para homens a escolha afigura-se-lhe ainda mais deprimente, pelo que decide pedir ajuda à Boneca, que calcorreou Ceca e Meca para ajudar o Tim (para os amigos) nesta demanda. Não foi fácil, mas acabámos, de comum acordo, por escolher um fato de jogador do Benfica, para manter a consistência cromática, e porque o Glorioso é, no fundo, sinónimo de amor e paixão. Ficou muito contente, o moço, e eu prestei serviço público, não sem antes interceder junto dele para que dê uma mãozinha a todas as minhas amigas trintonas encalhadas. Porque temos de ser umas para as outras.

12 comentários:

  1. Já estou mesmo a imaginar as salas de cinema cheias para ver as 50 sombras de Gray no dia 14 de Fevereiro com essas fantasias todas.... não era giro?

    ResponderEliminar
  2. Para que conste nem todas as solteiras são encalhadas..... Conheço muitas mulheres casadas bem mais encalhadas do que muitas solteironas (como o pessoal gosta de chamar a quem não tem marido ou namorado).

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Hahahaha pareceu-me que serviu a carapuça a alguém ;) É que eu não disse "solteiras", disse "trintonas". E "minhas amigas". Mas fica o reparo, já anotei.

      Eliminar
  3. Alguma coisa contra as trintonas encalhadas??? Hum????
    IF

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Tudo a favor, senão não tinha pedido ajuda para elas, né? ;)

      Eliminar
  4. Oh Sôtora Boneca M.D., já agora, o que quer dizer "correr Ceca e Meca"? Pois fiquei curiosa, pesquisei e vou contribuir para o Serviço Público aqui do teu barraco:

    Significado: Andar por toda parte; andar de um lado para outro; correr mundo; andar de déu em déu; andar por muitas terras; viajar muito.

    Origem: Ceca é o nome da mesquita de Córdova, a mais importante do maometismo no ocidente, nome que significa Casa da Moeda, em árabe, língua de que se origina.

    Meca é o mais importante centro da religião do oriente.

    Ora, com o tempo, a expressão perdeu o seu significado específico, desaparecendo o sentido das palavras básicas: ceca e meca. Deste modo é que passou a significar: andar por toda parte; andar de um lado para outro; etc.

    Tanto em Portugal quanto em Espanha, onde a frase se tornou popular antes de viajar para o Brasil, existem lugares com os nomes de Ceca (Seca ou Asseca) e Meca. Sendo assim, a origem precisa da frase continua obscura, de um certo modo, pois não sabe se a expressão surgiu em Portugal ou na Espanha, se refere cidades daqueles países ou aos centros de cultura religiosa dos mouros.

    A probabilidade de ser uma criação dos mouros e de se referir à casa de romaria islâmica de Córdova e à cidade sagrada do Islamismo, na Arábia, é, sem dúvida, a maior.

    De nada. Cá beijinho,
    Tia Ju 3>

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Tia Ju, a dignificar o pardieiro. Muitíssimo obrigada, pagar-lhe-ei em ginjinha!

      Eliminar
    2. Também quero ginjinha, sim??? :P
      IF

      Eliminar
    3. Credo, não pode ver nada! ;)

      Eliminar
  5. "...porque o Glorioso é, no fundo, sinónimo de amor e paixão."
    Credo, cruzes canhoto!!! Para mim é tudo menos isso! :D :D

    ResponderEliminar