segunda-feira, 9 de março de 2015

Os rituais de acasalamento das alforrecas de água doce

Começo este texto com uma declaração de exoneração de responsabilidade: tenho uma relação amor-ódio com alforrecas. Tanto sinto verdadeiro pânico que me toquem e as quero bem longe de mim, como me apetecia estrafegá-las entre os dedos apenas para comprovar que não são feitas de gelatina ou gomas como aparentam.

Ora em relação aos rituais de acasalamento das ditas: depois de ter procedido a uma investigação rigorosíssima sobre o tema, conclui que as alforrecas acasalam ao entardecer, entre as 19h e as 20h, sensivelmente antes do telejornal. Fazem-no esfregando-se umas contra as outras (só se verifica à molhada, não há monogamia entre alforrecas, fiquem sabendo), não sem antes se barrarem de creme gordo para que não haja atrito, nem aquele barulho incomodativo "flhurf flhurf flhurf" que, no fundo, equivale ao "boinc boinc boinc" que as camas fazem ao bater na parede na hora da trungalhunguice e que incomoda sobremaneira os vizinhos e até os próprios intervenientes, porque parece que está ali um intruso voyer a bater o ritmo e bora lá a despachar isso e é coisa que dá nervos e não é pouco. Não que já me tenha acontecido. Agora perdi-me. 

Ah. Já sei. Então, os bichos esfregam-se e a sensação que tenho é que aquilo parece algo que poderia passar-se numa gaveta da Hussel que tem aquelas gomas mais gordas todas ao molho: uma espécie de orgia de alforrecas coloridas e saborosas. 

Vou parar por aqui. Até eu tenho de traçar um limite na estupidez perpetrada online por moi. Traço o meu, portanto, no momento em que decidi misturar alforrecas com badalhoquice e gomas. Chega.


(Post com uma valente piscadela de olho à Marisa Ribeiro, leitora atenta que não me deixou quebrar a promessa de escrever sobre este tema imbecil, porém fraturantérrimo)

13 comentários:

  1. Leitora atenta como eu não poderia deixar que a Boneca faltasse à sua promessa eheheh :) Gostei particularmente da comparação entre o "flhurf flhurf flhurf" e o "boinc boinc boinc", muito bom! ;) Beijocas. MR

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sempre às ordens sim? Venham de lá esses pedidos imbecis que eu estou cá para atender. ;)

      Eliminar
  2. BONECA!!!!!!! Muito obrigado por agora fazeres-me olhar as gomas de maneira diferente.
    (Quanto à Marisa Ribeiro, quando passar por ela aqui no corredor, também vou piscar-lhe o olho, ahahahaha! :P )

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Bom, já percebi que temos complot. Já vos imagino, as duas no escritório, EM HORÁRIO LABORAL, a imaginar formas de azucrinar a cabeça aqui à menina. Bandidas, velhacas.

      Eliminar
    2. "Gabinete", aqui diz-se "gabinete", é assim a modos que mais chique e tal e coise... mas pronto, não dá: Ella trabalha (ou diz que sim) no piso térreo, já a sô dona MR é mais lá pelos altos, no 1º piso.... :)

      Eliminar
    3. Aqui também, sim? Olha que duas, francamente. :p

      Eliminar
  3. Hahahahahahaha! OMD, não vale a pena impores um limite. Depois disto, acho que já o passaste! :'D

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Não percebo o que queres dizer com isso!

      Eliminar
  4. Muito bom Alforreca, digo Boneca ;)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. AH AH AH!! Não me ocorreu a rima. Sou uma menina, eu.

      Eliminar
  5. Nada disso Boneca, nada de esquemas, só mesmo curiosidade em saber como consegues teorizar os assuntos imbecis lol e se tiveres aí mais algum, chuta, que hoje estou por casa, com virose. Uma pessoa tem que entreter-se com alguma coisa. Se for a rir dos posts da Boneca, ainda melhor :P Beijinhos MR

    ResponderEliminar
  6. Obrigada Boneca. Cá beijinho! MR

    ResponderEliminar