quarta-feira, 8 de abril de 2015

Mas afinal porquê a atração das mulheres pelas fardas?!

Não consigo entender, devo confessar. Até porque não há nenhuma farda que me pareça particularmente atraente, exceção feita, pelos motivos óbvios, à farda de PT de ginásio (*faz um sorriso maroto e arrefinfa uma palmadona no rabo do marido, aleija a mão no processo e ainda tem de ouvir "sentiste a firmeza desse glúteo?"*).

Posto isto, não consigo descortinar nenhum sex appeal numa farda de bombeiro (e vou escusar-me à piadola esperada da mangueira e tal e coiso), à de polícia (piadola expectável do cacetete) ou de militar (se bem que estes em tronco nu ocasionalmente até me façam ter vontade de aprender a língua uga-buga com que comunicam). 

Proponho, assim, num exercício de subversão, que nos juntemos todas e consideremos admirar fardas alternativas que, quiçá, possam trazer alegria e outros sentimentos eufóricos à nossa vidinha de donas de casa entediadas (Fala por ti oh parvalhona! Pronto, está bem, não se enervem!) Disclaimer: as criaturas dentro das fardas terão sempre corpos de Adónis, que se é para pormos a imaginação a trabalhar, que seja em bom:
- farda de pasteleiro: calça branca borderline transparente, tronco nu cheio de farinha (este para mim ganhava, mas era mais por causa das bolas de Berlim que perspetivava traçar);
- farda de jardineiro: calça verde tropa, tronco nu cheio de relva;
- farda de vizinho: calças de ganga rotas, tronco nu com o pormenor de possuir algumas peças de roupa interior dele penduradas nos ombros para estender na corda;
- farda de informático: calças tipo chino, tronco nu e uma enorme vontade de nos afagar a placa gráfica ou recorrer ao velho truque do "sai e volta a entrar";
- farda de revisor oficial de contas: calças de fato, tronco nu e mãos cheias de notas de crédito em nosso nome;
- farda de seminarista que vai largar tudo para fugir connosco para Cabo Verde: calças, tronco nu só com aquela cena branca tipo coleira ao pescoço;
- pessoas, eu podia estar aqui o dia todo, mas tenho cenas marcadas. No entanto, acho que o algoritmo já está entendido, não? 

Sintam-se à vontade para acrescentar fardas alternativas. Menos a de deputado/político/funcionário de uma autarquia, que não há músculos nem fantasias kinky que compensem o turn-off que é esta profissão, Deusmalivre.

Agora vou ter de explicar ao marido por que tenho as seguintes buscas
no histórico: "sexy priests", "sexy men doing the laundry", etc...

41 comentários:

  1. Só casada com um informático. E mais não digo.

    ResponderEliminar
  2. Ahahahahah!!!!!!!!! Muiiiiiiiiitoooooooooo bom!!!!!!!! Estou contigo nessas fardas! Gostei particularmente da do R.O.C com as notas de crédito, embora não haja aqui nenhuma imagem.... :) :) poderoso!
    Isto foi coisinha para me alegrar a manhã! :D

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigadaaaaa! Agora escolhe um que eu mando entregar em tua casa.

      Eliminar
  3. Ora bem, eu tenho cá um informático que nunca se vestiu assim, vamos lá ver o que acha da ideia. Obrigadinha sim Boneca mailinda?!
    Ora, não acrescentando nada, falta aí a dos guardas prisionais, é que nem é pela farda, mas as espécies que eu vi em Santa Cruz do Bispo, são assim coisinha para ter fetiche por fardas!
    Posso também acrescentar a de hoquista ou na loucura ciclista, que o homem é dado a essas coisas, mas estes últimos com aqueles calções justos, alguns até com alças e almofada no rabiosque... nahhh!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Se as minhas ideias tiverem corrido bem, avisa ;) bons acrescentos.

      Eliminar
  4. Ainda bem que não consegues descortinar nenhum sex appeal num farda (troglodita) de militar... eu tentei, a serio que sim, mas também não consegui!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Aí o problema, mais do que a farda, é do Neandertal que costuma vesti-la.

      Eliminar
    2. a sério?fui militar durante anos, casei com um e ca por casa, assim como durante os anos de vida militar nunca conheci essa tal linguagem do uga buga ou conheci algum neandertal...talvez devessem pensar um pouco antes de escreverem esses comentarios tristes que talvez vos descrevam melhor a voces que os escrevem do que quem querem retratar

      Eliminar
    3. Uns conhecem, outros não. Sorte a sua, prova que a exceção confirma a regra :)

      Eliminar
    4. Então se não conhece talvez o melhor fosse ter mais calma com o que escreve até porque se escreve sem conhecimento só mostra falta de discernimento...

      Eliminar
    5. Bom, parece que não está a entender o que estou a dizer: você não conhece, eu conheço. Não vale a pena esmiuçar mais, é humor. Vai sempre haver quem discorde, quem se pique, etc, faz parte.

      Eliminar
    6. Pois que o paizinho também era militar (de acções especiais - na altura havia este termo - era Ranger) e de Neandertal nada tinha... já o exmo sr meu ex namorado (ou companheiro, ou marido sem papel assinado, ou o que lhe quiser chamar), caro anónimo.... aquilo era Neandertal, era uga buga e todo o mais que lhe havia de compôr o belo do ramalhete.
      Digamos que em cada profissão há bons e maus profissionais e se nunca conheceu um mau profissional na sua área, pois que lhe dou o meus mais humildes pêsames, talvez esteja na hora de ver mais além do que aquilo que os seus olhos conseguem alcançar.
      E já agora, quem é o/a exmo/a senhor/a que se esconde por trás de um anónimo? Assuma-se, saia do armário, dê o grito do ipiranga.
      Cordialmente,
      Ella

      Eliminar
    7. Não disse que não havia maus profissionais, disse que não são neandertais!pêsames por não conhecer maus?!algo está errado com a senhora...era neandertal mas bom o suficiente para ter ficado com ele...quanto a "sair do armário" não tenho de o fazer...não tenho de revelar ainda identidade só porque a senhora quer até porque não ofendi ninguém e não sei que diferença lhe faz saber o meu nome...

      Eliminar
    8. Ehehehehehe, para além de não saber o que quer dizer "ex", tem necessidade de se esconder por trás de uma capa de anónimo....
      Ai, como vai o nosso exército (que falta lhe faz os homens de barba rija e força no punho).
      Passe bem, passe bem....
      E não se abespinhe, a vida são dois dias...

      Eliminar
    9. Vá, meninas, não se zanguem. Só gostava que a anónima tivesse encarado o texto com o humor com que eu o escrevi. E nem vou entrar pelo facto de Senhor Meu Marido ter sido militar e ter lido o post antes de o publicar... E riu-se. A isto se chama poder de encaixe e sentido de humor. E mais não digo, que a conversa já vai longa. Cá beijinho.

      Eliminar
    10. O papá d'Ella que por vezes também lê o blog da Boneca, também se riu (sim, o papá é uma pessoa inteligente e tem também um enorme poder de encaixe).
      Cá beijinho, Boneca Maria de Deus.

      Eliminar
    11. Essa de o pai de alguém ler este pardieiro é coisa para me assustar...

      Eliminar
    12. Antes a capa de anônimo do que usar blogs alheios fazendo comentários atrás de comentário para publicitar o meu gratuitamente ...

      Eliminar
    13. Boneca: Qual quê, é quando Ella lhe diz: "Oh paaaaaaaaaaai, anda cá ver isto." E ele vem, que até corre se for preciso (sempre a pensar que é uma coisa importante, claro. Ahahahahahaha)
      Anónimo: Ainda? A sério? E o que mais?

      Eliminar
  5. Boneca, desculpa-me mas acho que vou desconstruir a tua tese patente neste post. O denominador comum não é a farda, é o tronco nu de Adónis presente nas classes profissionais que enumeraste. Logo, as fardas não atraentes, atraente é a ideia de as tirar. Am I right? Kisses :P

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ai catano, que fui apanhada.

      Eliminar
    2. Deixa lá, não estás sozinha nesta "luta" ;)

      Eliminar
  6. Manda os gajos todos treinar com o teu homem antes do tronco nu, que há desgraças que eu não quero ver, como a do meu vizinho de baixo que, mal o sol aquece, vai fumar languidamente para a varanda. Ora o gajo não tem corpo para ser lânguido, quanto mais para me espetar com a visão dos infernos daquele corpo flácido e branquela cheio de pelinhos que parece que foram vítimas de permanente-tipo-anos-80. Manif, já.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Credo, mulher, que agora até fiquei assim a modos que agoniada. Ninguém merece. Solidariedade daqui, mas aprecio o facto de o espécime estar bem longe de mim ;) Depois diz-me a hora da manif, que eu apareço!

      Eliminar
  7. Bem... Quando penso nas fatiotas dos toureiros, tenho um problema, mas ao contrário... Blhec!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Aaaarrrgghh, tão bem lembrado. Quem inventou aquilo deveria ser pendurado pelos tintins.

      Eliminar
    2. Ai ca nojo, as máscaras dos toureiros!!! Nhecas!

      Eliminar
    3. Tiram-me do sério, e olha que não é no no bom sentido.

      Eliminar
  8. Epa isto das fardas tem muito que se lhe diga....Mas posso garantir-vos de fonte segura que é maravilhoso poder despir uma farda da autoridade....pedirmos para sermos algemadas e a sensação de tarmos impotentes só dá mais pica à coisa,se é que me entendem..... 😜 Mas à que salientar que se esqueceu de mencionar o mecânico de fato de macaco,tronco nú e todo sujo de óleo.....Ou do canalizador....Mas fiquemos mais descansadas porque não somos só nós mulheres que somos "taradas",sim porque os homens também têm esse tipo de taras....Comecemos por enumerar:com a enfermeira,a médica,a polícia,etc,etc.....Não é um "problema" só das mulheres e não tá nos sozinhas nesse campo....Agora despeço-me de todos do blog mas deixo-vos um conselho....Comecem a pôr a vossa mente em acção e a pôr em prática as vossas fantasias e verão que vão começar a ser mais felizes.Bom fim de semana para todos/as.Bjkax.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Então, então, mas despede-se assim, depois de ter dado tão boas ideias, Andreia?

      Eliminar
    2. Também acho, Boneca! Andreia, chegue-se aqui e conte mais. :D

      Eliminar
    3. Ainda criamos um grupo tipo tupperware...

      Eliminar
  9. Boneca, Não há sex appeal numa farda de bombeiro? É que agora veio-me aqui à ideia os Bombeiros Sapadores de Setubal, e aquele a que eu chamo de "meu Querido mês de Agosto"!!! Há ali potencial naquele quartel durante todo o ano!!! LOL
    Já com os militares não podia estar mais de acordo! Peço desde já desculpa ao anonimo lá de cima, mas falo por conhecimento! Há alguns muito uga buga mesmo!!!
    Aproveito para comentar as imagens, um que me faria ir à igreja rezar 3 avé marias todos os dias, outro que está em modo "anda que te vou aparar as cebes" mas que belo jardineiro, e os outros 2 que se poderiam passear lá por casa e dar um jeitinho na arrumação! Muito bem escolhido!!! Ahahah

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Confesso que o calendariozinho dos meus conterrâneos me agradou, sim. Quanto às imagens, valha-me Nossa Senhora, o padre. O padre. Ai, o padre.

      Eliminar
    2. E enfiar um dedo naquele carreiro que ali está na barriga e que vai até à peitaça?! Jasus.

      Eliminar
    3. Aquele carreiro deve ser o caminho para o paraiso... Só pode!!! Benzó'deus!!!

      Eliminar
    4. gay gay gay e mais gay...
      com aquele enfiavas o dedo mas n era no carreiro da barriga à peitaça.

      Eliminar
    5. Pshiucale-se, que você não percebe nada do assunto. Fica que tempos sem aparecer e agora vem fazer desfeitas à amiguinha?

      Eliminar