quinta-feira, 16 de abril de 2015

O que fazer quando falta a inspiração?

Quem tem um blogue e até leva isto a sério (na medida do possível pela parte que me toca) teme o dia em que lhe dê um writer's block, forma pomposa de dizer "mas que car&@€0 é que hei de escrever hoje?!". Já tive vários, mas como decidi que este pardieiro enveredaria pela linha editorial da estupidez, tal permite-me, como sabeis, escrever sobre as temáticas mais estapafúrdias e, vá, imbecis. Se me apetecer num dia compor uma ode a uma beterraba fá-lo-ei. Se estiver virada para um texto sobre esfregões da loiça e a sua correlação direta com a TPM, nada me impedirá de o levar a cabo. Aliás, se me apetecer escrever um post inteiro sobre os níveis mínimos atingidos pelas taxas de juro aplicáveis às operações principais de refinanciamento do Banco Central Europeu, sempre quero ver quem me vai impedir. 

E onde quero eu chegar com isto? Dizer apenas que quando não tiver nada para dizer provavelmente inventarei uma parvoíce qualquer? Não. Ou sim, depende da disposição. Bottom line: tenho-me desiludido com alguns blogues que seguia mas que a partir de certa altura qualquer traque que se dê vai a texto, qualquer situação, por mais inócua e desinteressante que seja, é publicada (Ai hoje vieram cá os meus primos e jantámos todos. Foi tão bom, nham nham!), e isso cansou-me. Sim, ter 23 textos por dia deve dar origem a muitas visualizações, mas, caramba, o que é demais enjoa. Vai daí, foi uma razia de blogues por estes lados que até cheirou a borracha queimada. 

Sim eu sei, obviamente que, se se pretende apresentar um diário, tendencialmente surgem as experiências pessoais, o que fazemos, onde vamos, mas, bolas, será que quero mesmo seguir assim tãaaaaao de perto a vida de alguém? Sei que eu não. 

Por isso, hoje que estou sem inspiração e não me lembro de parvoíce nenhuma para escrever, não vou dizer nada. Não há post para ninguém hoje, tsá??

17 comentários:

  1. Boneca Maria de Deus, há dias e dias... hoje não é dia e ponto final. :-)
    Eu não vou ficar aborrecida por um dia ou outro não poder ter "parvoíces" para ler. Logo, não é isso que faz com que deixe de espreitar o teu "pardieiro" :-) Amanhã ou depois estou cá de novo a espreitar :-) Pois, EU gosto das tuas parvoíces :-)
    Take Care! :-)
    GPS

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Nunca imaginei que ia responder a um GPS, mas cá vai: obrigada pelas palavras e um beijinho!

      Eliminar
  2. Por receio desse writers block, embora não tenha sido a única razão, parei um blog em 2010, tinha apenas 6 meses de posts. Faltava-me a inspiração. Às vezes lembro-me de algo e penso "olha isto podia ir para o blog", mas depois lembro-me também do "critério editorial" e da publicação frequente de posts que se deve registar, para evitar que fique "abandonado". Mas, por acaso, tenho andado com vontade de começar um do zero. Se calhar falta mesmo só um empurrãozinho. Tenho que pensar nisso. Já a Sodona Boneca tem inspiração que nunca mais acaba. Ode a uma beterraba? Relação entre o Scothbrite e a TPM? Temas absolutamente fantásticos e não menos fracturantes. :P Beijinho

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Efetivamente isto tem de ser regado e alimentado. Mas quando penso que estou bloqueada, logo bato com os olhos numa qualquer parvoíce e bumbas, cá vai disto! Um tema fraturantérrimo! ;)

      Eliminar
  3. Respostas
    1. Anónimo, vá lá, se quer falar com a Ella será melhor ir ao blogue dela.

      Eliminar
  4. Então, também não há comentário para ninguém hoje, tsá??
    Mami da Boneca.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Mami!!!!! Agora ninguém te pára, tás muitáforte nos comentários! Olha, este fim de semana pode ser rins na panela de barro?

      Eliminar
  5. 1. Espero que tenhas muitos writer's blocks como este;
    2. Adorava ler a tua ode à beterraba;
    3. Um destes dias dei-te um tema espectacular para um post;
    4. O puto da foto é absolutamente delicioso;
    5. Tás-te sempre a bater às comidas da mãozinha.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. 1. Também eu.
      2. Já me lixei.
      3. Bem sei, mas (ainda) não me lembrei de nada de jeito.
      4. Cara de sacana, que ilustrava bem a última frase do post.
      6. É SÓ a melhor comida do mundo!

      Eliminar
  6. Como a compreendo Boneca. E depois, o reverso da medalha, ou seja, há dias em que não falta inspiração para dar ao dedo.
    Quanto aos blog's que se têm tornado aborrecidos... concordo! Talvez seja essa uma forma de encher chouriços e aumentar visualizações quando falta a inspiração. ;)
    Já agora, apresento-me. Uma vez que lhe puxei uma cadeira para se sentar à minha mesa. Desde que a descobri. Beijinho. :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Aceito o convite! Beijinho, Contos :)

      Eliminar
    2. Aceita? Em sentido figurado o que quis dizer-lhe é que está instalada no meu estaminé! ;)

      Eliminar
    3. Quis dizer que fui lá, sentei-me e tal e bebi um chá :) beijinhos e obrigada!

      Eliminar