quinta-feira, 9 de julho de 2015

Para quem estiver a falecer de saudades minhas

Sabiam que há um sítio que alberga uma imensidão de textos supimpas meus?

É ir aqui.

2 comentários: