segunda-feira, 25 de janeiro de 2016

Segunda-feira

A contradição que me assola nesta segunda-feira farrusca e chuvosa é a seguinte: pode uma pessoa que está constantemente com frio e a bater castanholas com os dentes, cujos melhores amigos são mantas felpudas, pijamas polares, lençóis térmicos e edredões de penas, detestar sentar-se num banco quente? Haverá maior contradição do que esta?

Não, pois não? Bem me parecia. Um sofá quente em casa é aconchegante. Já um assento quente nos transportes públicos é nojento. A cadeira morninha na nossa cozinha é sinal de que família por lá passou. O banco quente numa sala de espera é vestígio de rabo alheio, hábitos de higiene desconhecidos e, quiçá, um rego peludo do qual estaremos separados apenas por um tecido. Ou dois, vá. E quem gosta de regos peludos, quem é? Isso mesmo, as macacas. Assim sendo, e enquanto não inventarem um qualquer sistema de refrigeração ao nível dos refegos anais, não contem comigo para brincar à cadeira quente. Continuarei a dar pulos de meio metro ao mínimo contacto entre o meu pandeiro esquisitinho e qualquer indício de anterior atividade cuzal. 

Assim sendo, gritai comigo, mas sem soltar perdigotos, porque também é cena que me dá um asco do catano: Vivam os assentos fresquinhos!

12 comentários:

  1. Vivaaaa!
    Mas olha que o uso da palavra "rego" não anula o compromisso que assumiste connosco, ilustres leitores, de escreveres um artigo sobre os mesmos, ok?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sobre os regos já escrevi, oh! (O que tu queres sei eu...)

      Eliminar
    2. Aaaah, pois foi, é sobre bordas agora :P

      Eliminar
  2. Por acaso é coisinha que detesto :p

    ResponderEliminar
  3. Até porque se pegam as almorróidas!!! Ass: Ai cocó

    ResponderEliminar
  4. É por isso que viajo muitas vezes de pé. E tento segurar-me sem mãos, ou apenas com uma delas. E a primeira coisa que faço quando chego ao trabalho ou a casa é lavá-las muito bem. (Sim, sou esquisitinha com as mãos, estou sempre a lavá-las).

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Mas eu já sou uma 'ssoa com uma certa idade!

      Eliminar