domingo, 28 de fevereiro de 2016

Eu já procedi a bullying para com outro ser vivo

É verdade. Eu já fui uma pessoa má, que atormentava uma miúda da minha turma apenas porque ela se chamava Natacha. Tinha 11 anos e achava que Natacha se prestava a uma belíssima rima e vai daí, apelidei-a de "Natacha pachacha, cu de bolacha". A Natacha é que não achava graça nenhuma, vá-se lá saber porquê. E quanto mais ela me parecia zangada, como qualquer bully que se preze mais eu a aporrinhava, mais eu gritava a rima, e mais danada ela ficava. 

Olhando agora em retrospetiva, tive imensa sorte: ela era uma calmeirona com o dobro do meu tamanho e nunca se lembrou de puxar a mão atrás e pregar-me um banano nas ventas. E se eu merecia. Eu, criatura pequena, borbulhosa e franzina, que uma vez me defendi da minha bully (sim, porque eu também tinha uma que me fazia a vida negra, sim Sheila, se me estás a ouvir, nunca te disse, mas tens nome de puta) brandindo furiosamente... um garfo. Tivesse a Natacha decidido arrear-me um tabefe e talvez eu me tivesse calado. Mas não, ela resolveu contar à mãe, que fez queixa, que chegou aos ouvidos de Mãezinha, que por sua vez fez o que à Natacha não ocorreu. E acabou-se a minha carreira nas rimas. 


E é por essa razão, que, numa espécie de exercício de retratação, um ato de contrição pelo que fiz Sôdona Pachacha Natacha (que nunca mais vi) passar, cá vai uma rima que, espero, me redima de todo o trauma perpetrado:


Natacha pachacha, cu de bolacha, eu sempre a gritar

E tu, nem te lembraste de rimar com o meu nome, Vivi
Havia tanto-tanto por onde me azucrinar
Estou a lembrar-me, por exemplo, de "cheira a xixi".

Devias ter revidado, oh calmeirona

Tinhas um belo arcaboiço para isso
Eu merecia um pontapé na mona
E quiçá um estaladão no toutiço.

Hoje que cresci posso confessar, estou arrependida

Embora tenha tido um belo castigo
Quando vi a minha mãe danada pensei, "Estou f$dida"
E nunca mais me meti contigo.

Espero que te encontres bem de saúde

E que não tenhas ficado muito traumatizada
Vai na volta por minha causa és ginecologista
E estás rica e profissionalmente realizada.

8 comentários:

  1. Ahahahah!
    Boa, Vivi!
    O melhor Post que hoje li!!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Comentadoras a rimar, que mais pode uma 'ssoa esperar?!

      Eliminar
  2. Muito bom! Hahaha
    http://anagalhano.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Só hoje reparei que não te respondi, e como sou uma 'ssoa educadinha, peço desculpa e mando daqui beijinho.

      Eliminar
  3. Mais uma publicação que me levou às lágrimas de tanto rir e mereceu ser lida em voz alta para Meu Gajo ouvir e rir também :D

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. O que eu gosto destes ménages pá!

      Eliminar