quarta-feira, 31 de agosto de 2016

O blogue fez 3 anos e eu esqueci-me

Pois, é para verem quão distraída esta voss'amiga anda, pessoas. Não sei o que se passou, mas quando dei conta paniquei, não por causa do aniversário do barraco, mas porque o dito é muito perto do meu aniversário de casamento (só 10 anos mais que o blogue...) e eu pensei "CA... que me esqueci do homem". Mas não, graçáDeus. Por esta altura estarei em Madrid numas merecidas férias em família (a beleza dos posts programados) e espero ter Roaming para ir postando algumas fotos via Instagram/Facebook. 

Os mais fiéis sabem que é tradição, por ocasião do aniversário do pardieiro, eu fazer uma súmula dos posts mais emblemáticos. Sendo assim, no ano que passou, foram estes os posts que mais gozo me deram: 

Quando um senhor marrou com as trombas num poste

Bullying à pachacha

Carta aberta aos homens que usam sapatos sem meias

Máinovo vs. Ana Malhoa

10 mentiras que podemos dizer aos nossos homens

Lições de educação bonecal

José Cid


E as melhores tiradas dos miúdos:

IT expert

Mãe sofre

E sofre mais um pouco

Conversas ordionarió-fofas

Pequeno bácoro

Máinovo doente

Família anglo-bonecal

Resumo do Dia da Mãe em frases

4 comentários: