sexta-feira, 3 de novembro de 2017

Cenas, coisas e outras cenas ainda

Car@s,
Sinto que devo explicar esta ausência prolongada e intermitente. Recebi alguns mails, e aquece-me o coração empedernido saber que alguém sente falta das minhas palavras. Uma amálgama de falta de vontade, uma doença grave de um familiar próximo e irritação permanente com a plataforma onde está alojado o blogue são os responsáveis pela falta de notícias que tenho dado. Habituei-me(vos) a escrever todos os dias, mas custa-me fazê-lo por obrigação, até porque penso que isso acabe por transparecer, e não é fixe. Tenho milhentas historietas de Máinovo, como devem imaginar, mas não me agrada a ideia de alimentar o blogue apenas com isso. Assim, peço alguma paciência, até porque estou realmente a considerar mudar de domínio (será assim que se chama?) e, não sendo info-super-mega-incluída, penso que importar todo um blogue seja coisa ainda para dar alguma trabalheira. Além disso, confesso, tenho medo que a coisa corra mal e que eu perca textos. Porque, no fundo, o objetivo deste pardieiro continua a ser o registo de momentos/ideias/peripécias para que, daqui a uns anos quando eu achechezar de vez, os meus netos possam sacar disto e ler-me através de um megafone, enquanto eu dou puns sem vergonha nenhuma. Sim, é essa a velha que eu vou ser.

Entretanto, se alguém tiver ideias brilhantes sobre como passar esta joça toda para outro lado (Sapo, Wordpress,... de preferência com bom apoio mobile, que foi essa porcaria que acabou no blogspot e que me está a tirar do sério), chutem, porque até nisso ando desnorteada. 

Beijos e abraços, e vigorosas lambadonas em quem escreve abreijos.

22 comentários:

  1. Resolve o que tiveres a resolver. "A gente" espera (à boa maneira do Norte interior). ;)

    ResponderEliminar
  2. Que as coisas no campo pessoal melhorem que nós por cá aguardamos pacientemente. E para mais vou me contentando com o instagram, sempre mostra uns sapatos giros e uns gatos fofos de morrer. Beijinho da leitora madeirense.

    ResponderEliminar
  3. Espero que no foro pessoal tudose resolva da melhor forma.
    Cá estarei para ler sempre que há novidades. A modar de dominio avisa para atualizar o meu link de visita diária. Quanto a temas IT sou nódoa mas tenho o meu blog na sapo e estou bastante satisfeita. A equipa é excelente e estou certa que lhes podes mandar um mail a pesir apoio para a transição. Pode ser que te ajudem. Por regra são super disponíveis.
    Beijinhos e tudo de bom.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada, Cátia, vou investigar!

      Eliminar
  4. Antes de fazer a transição para outra plataforma, é possível guardar uma cópia do blogue. Já não me lembro exatamente como é, já foi há uns anos que fiz isso, mas sei que é algo fácil de fazer no blogger. Isso acautela a possibilidade de perder algum post.

    Cátia

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sim, a cópia é relativamente fácil, já me lembro.

      Eliminar
  5. Sapo, sem dúvida! Quanto à migração do blog, o Pedro (http://blogs.sapo.pt/profile?blog=p123) ajuda-te com tudo, melhor não há!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Eh lá! E uma pessoa pode contactar o Pedro assim à maluca?

      Eliminar
  6. Sim, claro! Quantos mais formos no charco, melhor! :)

    ResponderEliminar
  7. Olá,
    Tenho um "pseudo-blog-parvo" na plataforma Sapo. A equipa deles é fantástica e respondem rápidamente ás questões mais analfabetas que possas imaginar.
    Manda-lhes mail a pedir informações! Sei que ficariam orgulhosos de te ter por lá

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Estou a ver que seria mais fácil do que eu imaginava.

      Eliminar
  8. Desculpa... e que tudo se resolva rápidament e pelo melhor.
    Daqui, só te posso mandar boa energia!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Desculpa porquê? Foi informação da boa! Obrigada e beijinhos

      Eliminar